O site oficial de notícias de Iguatu e Centro Sul do Ceará

Notícias Ceará

CBMCE resgata garrote que caiu em cacimba na cidade de Aquiraz

O CBMCE orienta que cacimbas ou cisternas estejam sempre sinalizadas, cercadas e vedadas

CBMCE resgata garrote que caiu em cacimba na cidade de Aquiraz
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Uma equipe do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Ceará (CBMCE) realizou, na manhã desse domingo (16), o resgate de um garrote que havia caído e ficou preso em uma cacimba de uma propriedade. O fato foi registrado no município de Aquiraz – Área Integrada da de Segurança 13 (AIS 13).

A equipe de bombeiros militares foi acionada via Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops). O salvamento do animal, que pesava cerca de 300 kg, aconteceu ainda pela manhã, após o garrote romper a cerca, quebrar a tampa e cair em uma cacimba com mais de oito metros de profundidade. 

Imediatamente, uma composição da 2ª Companhia do Batalhão de Busca e Salvamento (2ªCia/BBS) do CBMCE, com sede no Cambeba, se deslocou até à localidade de Machuca, onde ocorreu o salvamento.

 

“Ao chegarmos no local, o garrote se encontrava apenas com a cabeça acima da linha d’água. A princípio, a equipe montou um sistema multiplicador de força, com cabos e roldanas apropriados para esse tipo de resgate. Devido a não cooperação do animal, somente na terceira tentativa conseguimos retirá-lo do local somando esforços com populares”, explicou o comandante do socorro do CBMCE, tenente José Dantas de Lima. 

 

Sobre o animal

O garrote também conhecido como novilho é um bovino filhote, mas categorizado em diferentes faixas etárias. O animal recém-nascido é denominado de bezerro até completar um ano. No período de um até três anos é denominado garrote ou novilho.

Prevenção

O CBMCE orienta que cacimbas ou cisternas estejam sempre sinalizadas, cercadas e vedadas. É importante que poços ou cacimbas tenham manutenção em sua estrutura. Dessa forma, garante a segurança das pessoas e dos animais que transitam próximo ao local.

Balanço

Foram resgatados 6.024 animais pelo CBMCE no primeiro semestre de 2023. Os resgates ocorreram entre 1º de janeiro até 30 de junho deste ano, em todo o Ceará. Ou seja, os resgates dos seis primeiros meses do ano representam um aumento de 12%, quando se compara com o mesmo período de 2022, com 5.399 animais resgatados.

Em seis meses, o resultado já é superior aos anos de 2019, com 3.926 resgates; e 2020 com 5.217; e já está perto de superar 2021 com 6.252. Já em 2022, foram resgatados 8.783. As espécies mais resgatadas pelos bombeiros militares são: cobras jiboias, felinos, cães, iguanas e cassacos.

FONTE/CRÉDITOS: sspds
Comentários:

Veja também

Colabore com informações: fotos, vídeos, áudios !