O site oficial de notícias de Iguatu e Centro Sul do Ceará

Notícias Ceará

Universitário que atropelou e matou avó e neta na cidade de Ipu no Ceará é indiciado

Jovem não era habilitado e fugiu do local do acidente com a ajuda de familiares.

Universitário que atropelou e matou avó e neta na cidade de Ipu no Ceará é indiciado
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

O estudante universitário de 21 anos que atropelou e matou avó e neta na cidade de Ipu, no interior do Ceará, foi indiciado pela Polícia Civil, nesta segunda-feira (11), por duplo homicídio doloso no trânsito e por dirigir sem carteira de motorista.

O pai do suspeito também foi indiciado por permitir que o homem conduzisse o automóvel sem CNH, assim como um ex-cunhado do indivíduo, que, após o atropelamento, removeu o carro do local sem autorização.

"Os procedimentos policiais foram concluídos pela Delegacia Municipal de Ipu e remetidos à Justiça", disse a Polícia Civil.

O caso aconteceu no dia 7 de agosto, na Rua Sebastião Alves Ferreira, no Loteamento Novo Ipu. A época, a Guarda Civil Municipal relatou que o motorista perdeu o controle do carro e invadiu uma calçada onde estavam Yara Mariana Rodrigues Teixeira, de 4 anos, e a avó, Antônia Célia Souza Teixeira, de 44 anos.

As duas foram socorridas, mas Yara morreu horas depois. Já Antônia Célia foi transferida para a Santa Casa de Sobral, mas faleceu na unidade no dia seguinte. O motorista fugiu e a família dele retirou o veículo do local do acidente.

Dois dias após o atropelamento, o universitário, que não teve a identidade informada, se apresentou na companhia de um advogado na Delegacia Municipal de Ipu, onde foi ouvido e liberado. Na ocasião, a polícia constatou que ele não era habilitado.

FONTE/CRÉDITOS: g1
Comentários:

Veja também

Colabore com informações: fotos, vídeos, áudios !